TURISMO

Representantes das Serras Gerais apresentam demandas do setor durante reunião

Os pedidos foram feitos à Adetuc, e incluem qualificação profissional e revisão dos Planos de Turismo

13/01/2021 às 08h06min
Por: Redação // NTocantins - Foto: Flávio Cavalera/Governo do Tocantins

Uma reunião realizada nesta terça-feira (12) entre o presidente da Agência de Desenvolvimento do Turismo, Cultura e Economia Criativa (Adetuc), Tom Lyra, a superintendente de Desenvolvimento do Turismo, Maria Antônia Valadares e dez representantes da Região Turística das Serras Gerais, apresentou demandas do setor de turismo da região.

A lista inclui qualificação profissional nas áreas de hospedagem, alimentação e formação de guias, apoio na revisão dos Planos Municipais de Turismo e planos de comunicação e marketing, além de melhorias na infraestrutura local.

Também participaram do encontro o prefeito de Natividade, Thiago Jayme, e secretários de Turismo e Cultura e empreendedores de Arraias, Dianópolis, Pindorama, Ponte Alta do Bom Jesus e Rio da Conceição, além de Hercy Ayres Rodrigues Filho, Chefe de Gabinete do Ministério do Turismo (MTur).

Entre as ações de valorização da região turística, Tom Lyra propôs a realização da segunda edição do evento ‘Roteiros do Tocantins: Conhecendo as Serras Gerais’. A primeira apresentação ocorreu em abril de 2019, no Memorial Coluna Prestes, com o objetivo de apresentar os atrativos turísticos e a forte tradição cultural dos municípios da região para agências de turismo, jornalistas, formadores de opinião de Palmas. Segundo ele, há possibilidade de estender a apresentação a Araguaína e Gurupi. 

Em nome do Ministério do Turismo, Hercy Filho se comprometeu a buscar apoio para as demandas da região, mas enfatizou a importância de se conscientizar os gestores municipais, principalmente os recém-empossados, sobre a importância do turismo em suas gestões. Também ressaltou o carinho do ministro Gilson Machado pela região e a necessidade de integração dos municípios ao Mapa do Turismo Brasileiro, que passará por uma nova atualização. “O MTur não abre mão de incentivar esta participação, 90% das nossas verbas são direcionadas aos municípios que integram o Mapa”, explicou.


Notícias Relacionadas