SEM AGLOMERAÇÃO

Prefeitura de Palmas afirma que shows voz e violão não estão proibidos

Músicos realizaram um protesto na noite desta segunda-feira (19) em Taquaralto

20/10/2020 às 10h34min
Por: Redação // NTocantins - Foto: Edu Fortes // Prefeitura de Palmas

Uma reunião realizada nesta segunda-feira (19) entre representantes da Ordem dos Músicos do Brasil – seção Tocantins, o Sindicato dos Músicos do Tocantins, e a prefeita de Palmas, Cinthia Ribeiro, para esclarecer todo o impasse e questionamentos dos músicos sobre o Decreto Municipal nº 1.903/2020.

Segundo a prefeita, está havendo um equívoco na interpretação do documento, que, segundo ela, não proibiu música ambiente, como voz e violão e música eletrônica. Ela explicou que o decreto veda a aglomeração, por isso, shows artísticos não estão liberados.

Na noite desta segunda-feira (19), músicos fecharam a avenida Tocantins em protesto, solicitando a liberação para todos voltarem ao trabalho. Em todo o estado, são cerca de 2,7 mil músicos. O protesto foi realizado de forma independente por alguns profissionais.



Notícias Relacionadas