PRISÃO

Ex-vice-prefeito de Peixe tem pena alterada para regime fechado

O Ministério Público afirma que João Carlos de Lima Neto descumpriu com as restrições impostas pela Justiça

15/09/2020 às 14h34min
Por: Redação//NTocantins - Foto: Divulgação

Nesta segunda-feira (14), a Justiça do Tocantins modificou a pena do ex-vice prefeito da cidade de Peixe, João Carlos de Lima Neto, para regime fechado. O ex-chefe do executivo havia sido condenado a três anos de reclusão em regime aberto por crime de peculato, mas teve a sentença agravada depois de descumprir restrições judiciais. 

A solicitação para alteração da pena partiu do Ministério Público do Tocantins (MPTO), que apresentou provas de descumprimento das medidas impostas pela Justiça. João Carlos de Lima Neto é também conhecido como 'Patiu'.

Como substituição da pena, a Justiça imposto a João Carlos de Lima Neto, a proibição de tirar fotos, subir em palanques, apresentar-se em eventos públicos referentes ao município de Peixe, ou relacionar sua imagem por recursos audiovisuais com qualquer propaganda oficial ou postagens promovidas nas redes sociais particulares dos gestores do município. 

A Promotoria de Justiça de Peixe afirma que, neste ano eleitoral, o condenado tem sido visto em diversos eventos públicos, inclusive políticos. O órgão afirma, ainda, que ele chega a se apresentar como vice-prefeito durante acordos, colocando-se como responsável por destinar emendas ao município e relacionando a sua imagem pessoal a obras públicas divulgadas na rede social do prefeito e da cidade. 

João Carlos de Lima Neto deve ser preso em breve, depois disso, a Justiça vai definir se converterá a medida cautelar de regressão da pena para regime fechado em medida definitiva.

 (Com informações de Luiz Melchiades)


Notícias Relacionadas