Política com Luiz Armando Costa

Governo age como bala na terceirização e busca ajuda da EPL do trem-bala!!

Luiz Armando Costa
30/09/2020 às 10h21min

O Secretário do governo responsável por parcerias público privadas esteve na EPL na semana passada. A empresa (criada no governo petista) ficou conhecida pelo trem-bala que não saiu do papel. Aliás, ela foi criada só para isto.

Bolsonaro na campanha discursou que a fecharia. Paulo Guedes a manteve pelo projeto de privatização de R$ 190 bilhões que tenta emplacar. O presidente da EPL (no governo Dilma Roussef) esteve no Estado no governo Siqueira Campos. 

Acompanhado da senadora Kátia Abreu percorreu com autoridades chinesas o corredor da Hidrovia do Tocantins. Naquela oportunidade, declicou projetos mirabolantes que mudariam a realidade do Estado. Dilma foi cassada e estamos aqui novamente.

Hoje a EPL é uma terceirizada do governo. Tem dentre outras finalidades realizar estudos de viabilidade econômica de privatizações/terceirizações. Sem licitação.

Pode estar aí um dos interesses do governo do Estado que age com uma pressa inaudita, inversamente proporicional à insuficiência (ou falta) de discussão sobre o tema de interesse público regional.

O Palácio Araguaia quer implantar um projeto de terceirização que (conforme ele) resultaria em R$ 9 bilhões de investimentos no Estado. A maioria da população não sabe o que é ísto. Especialmente a parcela da fatura que terá que pagar.

É uma aposta arriscada: Mauro Carlesse só tem mais dois anos de mandato de governador. E um novo governo pode ver na ação apenas a entrega de patrimônio público à exploração privada.

E isto tem um custo social e financeiro incalculável para o Estado.